Company Logo

Acesso Restrito

Docentes e Discentes

-

Cursos Regulares

Estágios/Bolsas

Estatística

Flag Counter

MyLiveChat


MESTRADO EM RADIOPROTEÇÃO E DOSIMETRIA - Turma 2014


Curriculo Lattes

ADRIANA ELISA BARBOZA  
Status: DESLIGADO

Área de Concentração: ---
Orientador: ---


 

Curriculo Lattes

 

 

 

AMILIE LOUIZE DEGENHARDT
Nomes em citações bibliográficas: DEGENHARDT, Ä. L.; DEGENHARDT, Ä.L.

Status: TITULADO

Data: 15/04/2016

Área de Concentração: FÍSICA MÉDICA
Orientador(a): SILVIA MARIA VELASQUES DE OLIVEIRA (IRD/CNEN)
Co-orientador(a): FRANCISCO CESAR AUGUSTO DA SILVA (IRD/CNEN)

Dissertação: AVALIAÇÃO DE DETECTORES PARA BIOANÁLISE DE SANGUE EM TERAPIAS COM LU-177 E I-131 PARA DOSIMETRIA DE MEDULA ÓSSEA

Revisor: Carlos José da Silva (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Silvia Maria Velasques de Oliveira (IRD/CNEN) - Denison de Souza Santos (IRD/CNEN) - José Ubiratan Delgado (IRD/CNEN) - Priscilla Brunelli Pujatti (INCA)

Resumo: Para estudos clínicos de radiofármacos, a rastreabilidade das medições é indispensável para minimizar incertezas em dosimetria interna e garantir a qualidade do padrão. Os equipamentos devem ter resolução e eficiência compatíveis com as energias dos radionuclídeos e, adicionalmente, ser capazes de quantificar variações significativas em atividades de amostras do corpo humano desde a administração do radiofármaco até próxima à atividade residual mínima detectável. Para testar três equipamentos (câmara de ionização Capintec 25R, cintilador de iodeto de sódio LTI Genesys Gamma-1 e detector de germânio hiperpuro Canberra), foram preparadas fontes radioativas de Lu-177 e I-131 simulando atividades de amostras de sangue de pacientes adotando as hipóteses: (i) atividades iniciais conforme protocolos usados no país; (ii) volume de sangue no corpo inteiro (5,3 L para homens adultos e 1,4 L para crianças de 5 anos); (iii) meias-vidas efetivas (1,61 h e 42,9 h para ajuste bi-exponencial do Lu-177 e 15,7 h para ajuste monoexponencial do I-131); (iv) amostragem entre 30 min e 168 h; (v) correções para densidade do sangue. As fontes padrões foram medidas na câmara padrão secundário Centronics IG11 no Laboratório Nacional de Metrologia das Radiações Ionizantes. Para a câmara de ionização Capintec, as eficiências para I-131 e Lu-177 variaram respectivamente entre (111,58±0,02)% e (102,27±0,01)% e para o detector semicondutor HPGe variaram respectivamente entre (89,40±0,03)% e (87,80±0,04)%. Para o detector NaI, as eficiências para fontes de Lu-177 posicionadas dentro do detector variaram entre (12,66±0,01)% e (11,54± 0,07)% e para fontes posicionadas a 5 cm e 10 cm do detector foram inferiores a 5%. Para fontes de I-131 posicionadas dentro do detector, as eficiências variaram entre (29,76±0,21)% e (30,20±0,04)% e foram inferiores a 5% quando posicionadas a 5 cm e 10 cm do detector (desvio maior do que 95%). Comparando-se com os valores de referência fornecidos pela câmara padrão secundário para as atividades das fontes padrões de I-131, a câmara de ionização registrou 111,58% (desvio de 11,58%), o detector NaI 29,83% e o HPGe 87,80% do valor absoluto. Para as fontes padrões de Lu-177, a câmara de ionização registrou 102% (desvio de 2%), o detector de NaI 12,67% e o HPGe 89,40% do valor de referência. As variações observadas para as eficiências dos equipamentos podem ser atribuídas às energias dos radionuclídeos, pois não foram alteradas as condições de medição (distância ao detector, tipo de detector, temperatura e BG constantes). Os equipamentos com melhor desempenho são câmara de ionização para as amostras coletadas no primeiro dia do procedimento terapêutico e detector de HPGe para as amostras coletadas a partir do segundo dia (atividades mais baixas).


Curriculo Lattes

Download PDF

Informações e Fotos da Apresentação

CAMILA MOREIRA ARAUJO DE LIMA
Nomes em citações bibliográficas: ARAUJO, C. M. ; ARAUJO DE LIMA, C M

Status: TITULADO
Data: 14/12/2014


Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientador: FRANCISCO CESAR AUGUSTO DA SILVA (IRD/CNEN)
Co-orientadora: SILVIA MARIA VELASQUES DE OLIVIERA (IRD/CNEN)

Dissertação: DOSIMETRIA RECONSTRUTIVA E AVALIAÇÃO DE DOSE DE INDIVÍDUOS DO PÚBLICO DEVIDO A ACIDENTE RADIOLÓGICO EM RADIOGRAFIA INDUSTRIAL

Revisor: Pedro Pacheco de Queiroz Filho (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Francisco Cesar Augusto da Silva (IRD/CNEN) - Denison de Souza Santos (IRD/CNEN) - Evaldo Simões da Fonseca (IRD/CNEN) - Tadeu Augusto de Almeida Silva (IRD/CNEN)

Resumo:


 

Curriculo Lattes

Informações e Fotos da Defesa

CAMILLA DA SILVA SAMPAIO LUCENA 
Nomes em citações bibliográficas: SAMPAIO, C. S.; C. Sampaio; Camilla Sampaio

Status: TITULADO

Data: 23/02/2017

Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientador: BERNARDO MARANHÃO DANTAS (IRD/CNEN)
Co-orientador: WANDERSON DE OLIVEIRA SOUSA (IRD/CNEN)

Dissertação: DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO PARA DETERMINAÇÃO DE Pb-210 POR CINTILAÇÃO LÍQUIDA

Revisor: Carlos Eduardo Bonacossa de Almeida (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Bernardo Maranhão Dantas (IRD/CNEN) - Arlene Alves dos Reis (IRD/CNEN) - Claudio Carvalho Conti (IRD/CNEN) - Estela Maria de Oliveira (IRD/CNEN)

Resumo:



Curriculo Lattes

EVALDO PAULO DE OLIVEIRA
Nome em citações bibliográficas: OLIVEIRA, E. P.

Status: ATIVO

Data: 10/03/2014

Área de Concentração: RADIOECOLOGIA
Orientadora: MARIZA RAMALHO FRANKLIN (IRD/CNEN)


Curriculo Lattes

Download PDF

FELLIPE SOUZA DA SILVA
Nome em citações bibliográficas: SILVA, F. S.

Status: TITULADO
Data: 04/10/2016


Área de Concentração: METROLOGIA
Orientador: WALSAN WAGNER PEREIRA (IRD/CNEN)

Dissertação: MÉTODO ALTERNATIVO DE IRRADIAÇÃO PORTÁTIL DA SOLUÇÃO DE SULFATO DE MANGANÊS POR UMA FONTE DE PLUTÔNIO-BERÍLIO PARA MEDIÇÕES DE EFICIÊNCIA DO BANHO DE SULFATO DE MANGANÊS

Revisor: Marcus Alexandre Vallim de Alencar (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Walsan Wagner Pereira (IRD/CNEN) - Ademir Xavier da Silva (PEN/COPPE/UFRJ) - Claudio de Carvalho Conti (IRD/CNEN) - Sandro Passos Leite (FTESM)

Resumo:


Curriculo Lattes

FLAVIA CRISTHINA FERREIRA DE ARAÚJO
Status: ATIVO
Data: 10/03/2014

Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientadora: CLAUDIA LUCIA DE PINHO MAURICIO (IRD/CNEN)


Curriculo Lattes

HUGO GERALDO DA FONSECA
Status: ATIVO
Data: 10/03/2014

Área de Concentração: ---
Orientador: ---


 

Utilize leitor de QR CODE para download no celular ou tablet

Curriculo Lattes

INGRYD MARQUES FERREIRA 
Nome em citações bibliográficas: FERREIRA, I. M.

Status: TITULADO
Data: 29/04/2016

Área de Concentração: RADIOECOLOGIA
Orientadora: DEJANIRA DA COSTA LAURIA (IRD/CNEN)
Co-orientadora: FRANCIANE MARTINS DE CARVALHO GOMES

Dissertação: ESTUDO DA SORÇÃO DE 60Co e 137Cs EM SEDIMENTOS DO SACO DE PIRAQUARA DE FORA EM ANGRA DOS REIS E SUA APLICAÇÃO PARA O MONITORAMENTO AMBIENTAL

Revisor: ALMIR FARIA CLAIN (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Dejanira da Costa Lauria (IRD/CNEN) - Elaine Rua Rodrigues Rochedo (IRD/CNEN) - Maria Angélica Vergara Wasserman (IEN/CNEN) - Silvia Dias Pereira (UERJ)

Resumo: Radionuclídeos liberados em sistemas aquáticos podem ser sorvidos nas partículas sólidas em suspensão e nos sedimentos de fundo. A sorção é normalmente representada matematicamente pelo coeficiente de distribuição (Kd) que se baseia no equiíbrio entre as fases. Neste estudo, a cinética de sorção/dessorção de 60Co e 137Cs na água do mar foram simulados por meio de experimentos de batelada com sedimentos em dois pontos (PT-01, PT-02) da enseada do Saco de Piraquara de Fora (SPF). Para os dois radionuclídeos, os valores de coeficiente de distribuição (Kd) para o sedimento do PT- 02 (509 e 385 L/kg para 60Co e 137Cs, respectivamente) foram superiores aos valores determinados para PT-01 (426 e 182 L/kg para 60Co e 137Cs, respectivamente). Os valores superiores de Kd em PT-02 refletem a maior Capacidade de Troca Catiônica (CTC) (71,4 cmolc.dm3) e conteúdo de finos < 63 μm (87%), quando comparados a PT- 01 (39,5 cmolc.dm3) e finos (55%). Os valores de Kd são inferiores aos valores reportados na literatura, o que pode estar relacionado à predominância da argila caolinita, uma argila de baixa capacidade de sorção. Os valores de Kd, com um aumento da temperatura de 23ºC para 27ºC foram similares (60Co em PT-02 e 137Cs nos dois sedimentos) ou a 27ºC os valores foram superiores (60Co em PT-01). Com o aumento da temperatura para 31ºC os valores de Kd para os dois radionuclídeos apresentaram um decréscimo. No entanto, o aumento da temperatura aumenta a dessorção dos dois radionuclídeos, para os dois sedimentos. O processo de sorção é espontâneo e favorável para ambos os sedimentos e tanto o modelo de sorção de Freundlich quanto o de Langmuir descrevem bem a sorção para as concentrações estudadas. A quantidade máxima de contaminante que pode ser sorvida foi para 60Co de 1,64 10-5 moles /g (4,12 1010 Bq/g) e 2,79 10-5 moles/g (7,03 1010 Bq/g) para PT-01 e PT-02, respectivamente, e para o 137Cs foi de 1,99 10-6 moles/g (9,70 108 Bq/g) and 6,60 10-6 mol/g (2,87 109 Bq/g) para PT-01 e PT-02. No SPF duas áreas podem potencialmente acumular 137Cs: os sedimentos próximos ao local de descarga de efluentes e a área ao norte deste local. Já na área de interface e entre SPF e a baía da Ribeira, haveria potencial para maior acúmulo de 60Co.


Curriculo Lattes ISLAN SOUZA BERNARDO 
Status: DESLIGADO
Data: 10/03/2014

Área de Concentração: ---
Orientador: ---

Curriculo Lattes

JULIO CESAR DE SOUZA RIBEIRO 
Status: DESLIGADO
Data: 10/03/2014

Área de Concentração: ---
Orientador: ---


Curriculo Lattes

Download PDF

Informações e Fotos da Apresentação

LIVIA KELLI DA SILVA
Nomes em citações bibliográficas: LIVIA, K. S.; DA SILVA, LIVIA KELLI

Status: TITULADO

Data: 19/12/2016

Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientador: DENISON DE SOUZA SANTOS (IRD/CNEN)

Dissertação:
CÁLCULO POR MONTE CARLO DA DOSE EFETIVA EM FANTOMAS ANTROPOMÓRFICOS DE VOXELS PARA AVALIAÇÕES DE EMERGÊNCIAS RADIOLÓGICAS

Revisora: Claudia Lúcia de Pinho Maurício (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Denison de Souza Santos (IRD/CNEN) - John Graham Hunt (IRD/CNEN) - Francisco César Augusto da Silva (IRD/CNEN) - Telma Cristina Ferreira Fonseca (CDTN/CNEN)

Resumo:


Curriculo Lattes

LUCAS KIYOSHI DA FONSECA IWAHARA 
Nome em citações bibliográficas: IWAHARA, L. K. F.

Status: TITULADO
Data: 11/11/2016


Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientador: MARCUS ALEXANDRE VALLIM DE ALENCAR (IRD/CNEN)
Co-orientadora: MONICA STUCK DE OLIVEIRA (IRD/CNEN)

Dissertação: EFEITO DOS METAIS TÓRIO, CÉRIO E LANTÂNIO SOBRE A RADIOSSENSIBILIDADE DE OSTEOBLASTOS HUMANOS

Revisor: Walsan Wagner Pereira (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Marcus Alexandre Vallim de Alencar (IRD/CNEN) - Claudio de Carvalho Conti (IRD/CNEN) - Arlene Alves dos Reis (IRD/CNEN) - Paula Novaes Sarcinelli (FIOCRUZ)

Resumo:


Curriculo Lattes

LÚCIO DAS CHAGAS DE ANDRADE  
Nome em citações bibliográficas: ANDRADE, L. C.

Status: TITULADO
Data: 14/09/2016


Área de Concentração: METROLOGIA
Orientador: JOSÉ GUILHERME PEREIRA PEIXOTO (IRD/CNEN)

Dissertação: CONDIÇÕES DE RADIAÇÃO PARA TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA: DETERMINAÇÃO E COMPARAÇÕES

Revisora: Lídia Vasconcellos de Sá (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: José Guilherme Pereira Peixoto (IRD/CNEN)  - Aucyone Augusto da Silva (IRD/CNEN) - Simone K. Renha (IRD/CNEN) - arlos Eduardo Veloso de Almeida (Fundação do Câncer) 

Resumo:


 

Curriculo Lattes

 

 

 

POLIANA SANTOS DE SOUZA 
Nome em citações bibliográficas: SOUZA, P. S.

Status: TITULADO
Data: 21/03/2016

Área de Concentração: METROLOGIA
Orientador: ALMIR FARIA CLAIN (IRD/CNEN)

Dissertação: PRODUÇÃO DE AMOSTRAS DE VEGETAÇÃO CONTENDO RADIONUCLÍDEOS EMISSORES GAMA PARA PARTICIPAR DE PROGRAMAS INTERLABORATORIAIS

Revisor: Carlos José da Silva (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Almir Faria Clain (IRD/CNEN) - Adelaide Maria Gondin da Fonseca (IRD/CNEN) - Akira Iwahara (IRD/CNEN) -José Ubiratan Delgado (IRD/CNEN)

Resumo: A produção de amostras contendo radionuclídeos em matrizes ambientais, tais como solo, sedimento, água e vegetação para testes de intercomparação é uma contribuição muito importante para o monitoramento ambiental. Os laboratórios que tem como objetivo esses monitoramentos precisam demonstrar que seus resultados de medições são confiáveis. O Programa Nacional de Intercomparação (PNI) do IRD produz e distribui amostras ambientais contendo radionuclídeos com o objetivo de verificar a performance desses laboratórios. Neste trabalho demonstrou-se a viabilidade de produção de amostras de vegetação (grama) contendo 60Co, 65Zn, 134Cs, 137Cs pelo método “spiked sample” para o PNI. A preparação e os testes estatísticos seguiram as recomendações da ISO Guide 34 e ISO Guide 35. As amostras de grama foram secas, trituradas e passaram por uma peneira de 250 μm. Foram tratadas 500 g de vegetação em cada procedimento. As amostras foram tratadas por dois procedimentos distintos: 1) homogeneização manual da solução radioativa contendo a vegetação e secagem em estufa e 2) homogeneização da solução radioativa contendo a vegetação em um evaporador rotatório e secagem em estufa. A concentração de atividade teórica dos radionuclídeos na vegetação variou de cerca de 593 Bq/kg a 683 Bq/kg. Após a análise por espectrometria gama das amostras produzidas, os resultados dos dois procedimentos foram comparados em relação à exatidão, precisão, homogeneidade e estabilidade. A exatidão, precisão e estabilidade a curto prazo de ambos os métodos foram semelhantes. No entanto, o teste de homogeneidade do procedimento de evaporação não foi aprovado para os radionuclídeos 60Co e 134Cs. Baseando-se nas comparações entre os procedimentos, escolheu-se o procedimento de agitação manual para a produção de amostras de vegetação para o PNI. A exatidão do procedimento escolhido representada pelo erro percentual e tomando-se como base o valor teórico de preparação, variou de -1,1 a 5,1% e a precisão variou de 0,6 a 6,5 %. Este resultado habilita o procedimento escolhido para a produção de amostras de vegetação para o PNI.


 

Utilize leitor de QR CODE para download no celular ou tablet

Curriculo Lattes

 

Download Dissertação

SALOMÃO MARQUES DE OLIVEIRA 
Nomes em citações bibliográficas: OLIVEIRA, S. M.; DE OLIVEIRA, SALOMÃO MARQUES; OLIVEIRA, S M

Status: TITULADO

Data: 29/02/2016

Área de Concentração: BIOFÍSICA DAS RADIAÇÕES
Orientador: BERNARDO MARANHÃO DANTAS (IRD/CNEN)
Co-orientadora: ANA LETÍCIA ALMEIDA DANTAS (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Bernardo Maranhão Dantas (IRD/CNEN) – Arlene Alves dos Reis (IRD/CNEN) – Claudio de Carvalho Conti (IRD/CNEN) – José Ubiratan Delgado (IRD/CNEN)

Dissertação: AVALIAÇÃO DA SENSIBILIDADE DE MONITORES DE CONTAMINAÇÃO PARA APLICAÇÃO EM MONITORAÇÃO DA EXPOSIÇÃO INTERNA DE TRABALHADORES EM MEDICINA NUCLEAR

Revisora: Lídia Vasconcellos de Sá (IRD/CNEN)

Resumo: Na prática da medicina nuclear, trabalhadores ocupacionalmente expostos manipulam 131I rotineiramente para fins de diagnóstico e terapia, o que constitui risco de exposição interna de tais profissionais. O controle das incorporações pode ser realizado por meio de técnicas de dosimetria interna como parte integrante do programa de proteção radiológica da instalação. A Agência Internacional de Energia Atômica sugere critérios para a implantação de programas de monitoração interna de trabalhadores sujeitos ao risco de exposição a doses efetivas anuais superiores a 1 mSv. No Brasil, os aspectos de proteção radiológica relacionados ao uso de radiofármacos para fins terapêuticos e diagnósticos in vivo e in vitro é regulamentado pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN). Entretanto, caso a exigência de monitoração interna dos trabalhadores fosse aplicada pela CNEN, a oferta de serviços de dosimetria interna não seria suficiente para atender toda a demanda dos serviços de medicina nuclear. Com o objetivo de contornar esta situação, este trabalho apresenta o desenvolvimento e a proposta de uma metodologia simples e de baixo custo para realizar a monitoração in vivo de 131I na tireoide. A técnica baseia-se na utilização de monitores portáteis de contaminação superficial, equipamentos amplamente utilizados e de posse obrigatória por todos os serviços de medicina nuclear do Brasil. Os monitores avaliados foram calibrados com simuladores de pescoço-tireoide desenvolvido no Laboratório de Monitoração In Vivo do Instituto de Radioproteção e Dosimetria. Os dezesseis modelos testados se mostraram adequados para aplicação em monitoração especial de 131I. Os modelos avaliados apresentam sensibilidade suficiente para a monitoração in vivo até sete dias após a incorporação de 131I em valores de atividade que resultem em doses efetivas comprometida inferiores a 1 mSv, considerando os cenários de exposição mais comuns na rotina de trabalho de serviços de medicina nuclear. Porém, apenas um dos modelos apresentou sensibilidade suficiente para a sua aplicação em monitoração ocupacional de 131I.


 

Utilize leitor de QR CODE para download no celular ou tablet

Curriculo Lattes

 

Download Dissertação

SARAH CANUTO SILVA SORIANO 
Nomes em citações bibliográficas: Soriano, S; SORIANO, S

Status: TITULADO
Data: 16/09/2015

Área de Concentração: FÍSICA MÉDICA
Orientadora: LÍDIA VASCONCELLOS DE SÁ (IRD/CNEN)
Co-orientador: SÉRGIO AUGUSTO LOPES DE SOUZA (IRD/CNEN)

Banca Examinadora: Lidia Vasconcellos de Sá (IRD-CNEN) – Bernardo Maranhão Dantas – (IRD/CNEN) – Bianca Gutfilen – (FM/UFRJ) – Carlos Eduardo Bonacossa de Almeida – (IRD/CNEN)

Dissertação: ESTUDO DOSIMÉTRICO DA BIODISTRIBUIÇÃO DO RADIOFÁRMACO IXOLARIS - 99mTc EM CAMUNDONGOS PARA DIAGNÓSTICO DE MELANOMA ATRAVÉS DE IMAGEM MOLECULAR E MODELO TRANSLACIONAL PARA HUMANOS

Revisor: Denison de Souza Santos (IRD/CNEN)

Resumo: A marcação do Ixolaris com 99mTc foi desenvolvida por Barboza et al. (2013) visando seu uso no diagnóstico de glioblastoma inicialmente e posteriormente em melanoma, câncer menos frequente, porém muito agressivo e com alta taxa de mortalidade. Testes prévios em animais comprovaram sua eficiência como marcador, porém um estudo dosimétrico para testes clínicos em humanos deve ser realizado. O presente trabalho teve como objetivos: (i) determinar o modelo biocinético para o radiofármaco Ixolaris - 99mTc em camundongos pelo método de dosimetria por imagem; e (ii) estimar a dose absorvida resultante do uso do novo radiofármaco em diagnóstico de melanoma e metástases em seres humanos, uma vez que se faz necessário o estudo dosimétrico de novos radiofármacos em animais a fim de posteriormente testá-los em humanos e registrá-los perante a ANVISA. A partir de imagens adquiridas em SPECT, foi encontrado um período de latência de 15 a 21 dias para o desenvolvimento de metástase pulmonar nos camundongos. Foram utilizados três camundongos C57BL6, um animal de controle e dois animais induzidos com a linhagem celular de melanoma murino B16-F10. O radiofármaco Ixolaris - 99mTc foi administrado por via intravenosa na veia da cauda e imagens SPECT foram adquiridas nos tempos de 30min, 1,5 h, 2,5 h, 3,5 h e 24 h pós-administração para análise e quantificação da biodistribuição. Foi construído o modelo biocinético e, assim, obtidas as atividades acumuladas, de forma a estimar as doses absorvidas em cada órgão. As diferenças mássicas e metabólicas entre os camundongos e humanos foram consideradas e utilizadas para extrapolar os dados adquiridos em diferentes escalas. A partir dos fatores de dose fornecidos pelos softwares MIRDOSE e OLINDA (S Factor), as doses absorvidas nos órgãos alvos irradiados pelos órgãos fonte foram calculadas e por fim, a dose efetiva foi estimada. Os resultados indicam que para exames diagnósticos realizados em humanos com melanoma com a administração de aproximadamente 25,7 MBq, estima-se uma dose efetiva de 4,3 mSv. Comparando com as doses efetivas obtidas em outras técnicas de diagnóstico com 99mTc, cujo intervalo de doses efetivas é de 0,6 mSv a 4,8 mSv, foi concluído que o procedimento pode evoluir para um estudo de Fase Clínica em humanos.


     



Powered by Joomla!®. Design by: Mobility Theme  Valid XHTML and CSS.